Jornal Tribuna do Norte

Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Post Type Selectors

O álbum de retratos Delauro Akiyama

Juraci de Faria é escritora, poetisa e membro da APL – Academia Pindamonhangabense de Letras

Antes mesmo de conhecer Lauro Akiyama, conheci seu magnífico trabalho fotográfico na página do Facebook “Olhos de Pindamonhangaba”. Devo confessar que graças às suas lentes e enquadramentos perfeitos, tenho sido conduzida a um “tour” por nossa cidade e, ao visualizar suas fotos, fico encantada com a indescritível beleza de nossa terra e de nossa gente.

O desejo de estar pessoalmente com o fotógrafo e de parabenizá-lo tornou-se um imperativo urgente e, um dia, a vida se encarregou de nos aproximar. Apresentei-me, disse da alegria de tê-lo encontrado e da gratidão por suas postagens. A conversa se estendeu tarde afora e, surpresos ficamos ao ouvir o relógio da Matriz de Nossa Senhora do Bom Sucesso soar 3 horas!

Nos despedimos e marcamos um novo encontro para a manhã seguinte, num local muito significativo para ele: às margens do rio Paraíba, local em que ele iniciou a prática da canoagem em Pindamonhangaba e, também, cenário de uma das etapas do Campeonato Brasileiro de Canoagem (1987) que atraiu atletas de renome internacional e uma multidão de mais de 8.000 pessoas para o Bosque da Princesa.

Durante nossa conversa, Lauro abriu outras páginas do álbum de retratos de sua vida e me contou a história de luta e trabalho de seus pais, Taqueco e Katsuyuki Akiyama, imigrantes japoneses que vieram de Fukuoka para o Brasil em 1926, estabelecendo-se em Lins – SP e Santo Antônio do Pinhal – SP e, nos idos de 1959, em Pindamonhangaba. Eram pequenos produtores de legumes e hortaliças que, com o trabalho de toda a família, criaram os filhos e prosperaram.

Lauro nasceu em Pindamonhangaba aos 11 de setembro de 1948 e, na idade escolar, frequentou o Rodrigo Romeiro, o João Gomes de Araújo e a Escola de Comércio. Sua graduação em Administração de Empresas deu-se na Universidade de Taubaté e, movido pelo seu perfil empreendedor, sua loja “Lauro Jeans” tornou-se uma referência na região, especialmente quando se tornou patrocinadora master das equipes de Karatê (1974-1982), Canoagem (1987 – 1996), Futebol de Salão (1986 – 2004) e Mountain Bike (2013 – 2015) de Pindamonhangaba.

Graças ao seu extraordinário empenho pessoal e profissional, Lauro descobriu jovens talentos, investiu na carreira profissional de dezenas de atletas pindamonhangabenses, conquistou prêmios e troféus em campeonatos nacionais e internacionais (Chile, República Tcheca, Espanha, Uruguai, Argentina, Colômbia, Venezuela, Cuba, México), e deixou a marca da “Lauro Jeans” na história do esporte de Pindamonhangaba! O bem-sucedido empresário do comércio e dos esportes soube ouvir o apelo do coração na hora exata de deixar o pódio: aposentou-se.

Atualmente, o ex-técnico da APICANO – Associação Pindamonhagabense de Canoagem, do Karatê, do Futebol de Salão e da Mountain Bike de Pindamonhangaba dedica-se exclusivamente à fotografia e à pesca esportiva. Como já disse, suas fotos são cartões postais de Pindamonhangaba! Suas invejáveis pescarias no Mato Grosso, Goiás, Tocantins, Amazonas e Argentina estão à espera de nossa próxima entrevista. A quem possa interessar, em sua página no Facebook, Lauro Akiyama, uma coleção de fotos denuncia o “cardume de troféus” que agora estampam a sua mais nova coleção de peixes.

Menino de ouro que veio da “terra do sol nascente” para reluzir em sua terra natal! Nossa “Princesa do Norte”, imbuída de profundo respeito e gratidão, o saúda na língua de seus ancestrais: ARIGATO!

    Nossa terra, nossa gente

    cmcmultimidia
loader-image
Pindamonhangaba, BR
22:14, pm, junho 18, 2024
temperature icon 15°C
nublado
Humidity 66 %
Wind Gust: 5 Km/h

Notícias relacionadas

Edital 10099

Edital 10099

18 de junho de 2024
Edição 10099

Edição 10099

18 de junho de 2024

Categorias

Redes Sociais