Jornal Tribuna do Norte

Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Post Type Selectors

Nossa Terra Nossa Gente

Juraci de Faria é escritora, poetisa e membro da APL – Academia Pindamonhangabense de Letras

Christina Lehmann chegou a Pindamonhangaba ainda menina, quando seu pai veio do Rio Grande do Sul para administrar a Fazenda Santa Helena. Os primeiros anos de sua formação escolar ocorreram em escolas do município e o Ensino Médio, na escola luterana “Von Müller Gymnasium Regensburg”, em Hamburgo Velho – RS. Ao retornar a Pindamonhangaba como professora do Colégio Ápice, ingressou no curso de Educação Artísticas/Artes Plásticas da Faculdade Santa Cecília – FASC, instituição de ensino superior onde encontrou sua grande mestra, a professora de cerâmica Maria Cheung Miu Kuen.

Desde as primeiras exposições, as cerâmicas de Christina Lehmann expressam o seu mundo, a sua arte, o sopro divino que, através de suas mãos concede à argila transcendência imaterial: seus pássaros voam, seus anjos e santos hipnotizam, seus brinquedos devolvem a infância a quem os vê, seus painéis conduzem nossa admiração para sua delicada alma de arte-educadora. Como professora e diretora da FASC, engajou-se com alguns alunos no projeto de voluntariado das irmãs franciscanas “Casa de Apoio Sol Nascente II”, em Lagoinha – SP. Desde então, tem moldado outras vidas com seu amor incondicional aos assistidos nessa obra.

Há mais de 10 anos, criou a FUXIQUE, um outro projeto social para ajudar financeiramente a Casa de Apoio Sol Nascente II. Às quintas-feiras, um grupo de mulheres voluntárias reúne-se das 14 às 17 horas para “fuxicar” e, também, produzir trabalhos artesanais. O dinheiro arrecadado com a venda desses produtos é revertido a essa obra social que há 22 anos acolhe e ajuda homens e mulheres portadores do vírus HIV.

De ascendência alemã e profunda estudiosa da língua de seus antepassados, Christina Lehmann ainda encontra tempo para traduzir poemas do alemão para a língua portuguesa, brindando-nos a cada semana com versos que nos transportam gratuitamente para o céu: são verdadeiras orações de seu breviário poético!

Ao nos despedirmos em seu jardim, repleto de árvores, flores, pássaros e esculturas, bendigo ao bom Deus por ter presenteado nossa terra e nossa gente com essa mulher tão divinamente humana e humanamente tão divina. E para selar minha profunda admiração por tudo o que ela faz, empresto um versículo do livro do profeta Daniel para saudá-la: “Os sábios brilharão como brilha o firmamento, e os que ensinam a muitos a justiça brilharão como estrelas, sempre e eternamente” (Daniel, 12, 3). E você, Christina Lehmann, guarde em seu coração essa profecia celestina.

ME ENVIA UM ANJO
Não me envia um anjo
que acabe com toda escuridão
mas um
que acenda uma luz para mim.
Não me envia um anjo
que conhece todas as respostas
mas um
que suporta as perguntas comigo.
Não me envia um anjo
que acabe com a dor como num passe de mágica
mas um
que suporta sofrer comigo.
Não me envia um anjo
que me carrega pela soleira
mas um
que sussurra nas horas escuras:
não temas!
ELISABETH BERNET
Traduzido do alemão por Christina Edith Lehmann Cesa

    Nossa terra, nossa gente

    cmcmultimidia
loader-image
Pindamonhangaba, BR
20:16, pm, junho 22, 2024
temperature icon 20°C
nublado
Humidity 69 %
Wind Gust: 5 Km/h

Notícias relacionadas

Tribuninha N° 50

Tribuninha N° 50

21 de junho de 2024
Edital 10102

Edital 10102

21 de junho de 2024
Edição 10102

Edição 10102

21 de junho de 2024

Categorias

Redes Sociais